Enquanto espera dinheiro da Fifa, Galo paga um mês de salário atrasado

Segunda, 13 Janeiro 2014 15:35

Diretor jurídico do Atlético esclareceu que premiação pelo terceiro lugar do Mundial sairá em breve e que Kalil está se esforçando para regularizar situação financeira do clube

Buscar reforços, manter a base do elenco do último ano, fechar acordo com patrocinadores, sanar dívidas. Assim é o dia a dia da diretoria atleticana neste início de ano. Uma rotina árdua. Mas apesar do pouco tempo de trabalho realizado até então, os resultados já vem aparecendo. Dentre as prioridades da cúpula alvinegra, está o pagamento dos salários atrasados a alguns jogadores, o que tem dado uma dor de cabeça, desde o bloqueio do dinheiro da venda do meia-atacante Bernard, em meados de 2013.

“Houve o pagamento de um mês. O clube está trabalhando no limite do respeito que adquiriu neste tempo todo”, declarou o diretor jurídico do Galo, Lásaro Cândido Cunha, em entrevista à rádio Itatiaia.

O Atlético espera ter uma boa notícia com relação ao caso Bernard, ainda nesta semana. O jurídico do clube trabalha nos bastidores para obter uma resposta positiva do Governo, após tantas tentativas, sem sucesso, e o apelo do presidente do clube, Alexandre Kalil, à presidente Dilma Rousseff e à bancada do PT.

A Fazenda Nacional bloqueou R$ 54 milhões referentes à transferência do jovem meia-atacante para o Shakhtar Donetsk-UCR. Esse dinheiro era destinado aos cofres da agremiação mineira.

“O presidente Kalil gosta de honrar seus compromissos e tem feito todo o esforço para que tudo seja resolvido. A questão do bloqueio escapa à condição dele. A diretoria está trabalhando”, ressaltou Lásaro.

Em meio a esta novela, uma boa notícia apareceu na Cidade do Galo. Apesar da fraca campanha no Mundial de Clubes da Fifa, de 2013, o Atlético receberá, em breve, o prêmio pelo terceiro lugar alcançado na competição.

“São R$ 6 milhões pelo terceiro lugar do Mundial. A Fifa já está cuidando, é um problema burocrática da entidade que deve ser resolvido. Ainda não saiu, mas deve sair logo. Não tem nada a ver com a questão do dinheiro do Bernard”, destacou o diretor jurídico do Galo.

Fonte: O TEMPO

Avalie este item
(0 votos)

Itaúna Arte Vídeo Comunicação Produção 
Artística Jornalística Ltda.

A TV Cidade é totalmente voltada aos interesses 
comuns da população. Nossa responsabilidade
é levar até você, um noticiário imparcial e de
qualidade, além de entretenimento por meio de
uma programação educativa, geradas pela
Rede 
Minas e TVI Canal 42, UHF, com uma
produção local e regional.